Recomendações

Apresentando Portugal

Castelos medievais, aldeias em paralelepípedos, cidades cativantes e praias douradas. A experiência de Portugal pode envolver muitas coisas! História, óptima comida e cenário idílico são apenas o começo…

Cenário cinematográfico

Fora das cidades, a beleza de Portugal desenrola-se em toda a sua variedade surpreendente. Você pode caminhar por meio dos picos de granito do Parque Nacional da Peneda-Gerês ou aproveitar o cenário prístino e as aldeias históricas das Beiras pouco exploradas. Mais de 800 km de costa oferece uma imensidade de lugares para admirar e absorver o esplendor. Dê uma olhada para os penhascos dramáticos sem fim, o surf estelar com ondas que quebram às praias cobertas de dunas ou nade pacificamente em ilhas arenosas com águas azuis e tranquilas. Você poderá observar golfinhos no exuberante estuário do Sado, passear de barco e caiaque ao longo do rio Guadiana, e aproveitar de memoráveis passeios de bicicleta em todo o país.

Ritmos de Portugal

Festivais embalam o calendário de Portugal. Beba, dance e faça o seu caminho através das festas de toda a noite, como a Festa de Santo António de Lisboa ou a Festa de São João do Porto. Existem feiras de campo muito divertidas no interior do país, e festas de rock ao longo da costa.

Qualquer época do ano é correta para ouvir a melancólica música do fado no Alfama, juntar-se à festa de dança no Bairro Alto ou bater nos bares do Porto, Coimbra e Lagos.

Fantasmas do passado

Celtas, romanos, visigodos, mouros e cristãos deixaram a sua marca na nação ibérica. Aqui, você pode contemplar esculturas de pedra de 20 mil anos na Vila Nova de Foz Côa, observar o pôr-do-sol sobre misteriosos megalitos fora de Évora ou perder-se nos elaborados corredores dos Sítios do Património Mundial da UNESCO em Tomar, Belém, Alcobaça ou Batalha.

Você pode criar um itinerário visitando os palácios acima dos bosques cobertos de neblina, castelos de penhascos escarpados e centros urbanos medievais incrivelmente preservados.

A MESA Portuguesa

Pão recém-assado, azeitonas, queijo, vinho tinto ou vinho verde, peixe grelhado, cataplana, carnes defumadas… Os portugueses aperfeiçoaram a arte de cozinhar refeições simples e deliciosas. Sentar-se a mesa significa experimentar a riqueza do litoral abundante de Portugal e dos campos férteis. Claro, você não precisa se sentar, pode pegar o seu pastel de nata quente (torta de creme) numa pastelaria de 1837 em Belém. Assim como passear por vinhedos cénicos tomando os veludos portos do Vale do Douro. Você pode comprar nos mercados cheios de produtos, ou reservar uma mesa numa das melhores salas de jantar do país.

Por que eu amo Portugal

Estou apaixonado pela paisagem, pelos ritmos da vida das aldeias e pela excepcional comida e vinho de Portugal. Adoro explorar as praias escondidas ao longo da Costa Vicentina, caminhadas pitorescas na Serra da Estrela (onde ainda toco com pastores durante a partida de um dia) e andar pelos cantos menos visitados do Alentejo, lugar tão mágico para descobrir a alma tradicional de Portugal. Mas são os próprios portugueses que fazem deste país tão especial. Apesar do exterior às vezes severo (é apenas uma fachada!). Eles estão entre as pessoas mais gentis e mais calorosas da terra.